No Eu Confesso você desabafa em TOTAL ANONIMATO O que espera? Desabafe! Clique no botão à direita.

(A lista não inclui usuários em conversa privada) , são alguns usuários que estão no Bate-papo / CHAT. O que você está à espera? Junte-se a eles e divirta-se um pouco!! (att: para maiores de 18 anos apenas)

Perguntas e Respostas. Surpreenda-se com o Eu Pergunto:

Respondida: Defina Tecnologia em uma palavra?

Respondida: Dúvida básica de subtração

Perdi tudo. Sem rumo Feminino

Confissão ID: 186361 - Por favor LEIA PRIMEIRO o texto antes de votar. Obrigado.

Partilhar: Facebook Twitter Linkedin

Oi pessoal,eu sou Carol. Tenho 23 anos de idade e perdi tudo em minha vida,minha filha,meu esposo... Vou começar a explicar um pouco da minha história pra vocês entenderem.
Quando eu tinha 13 anos comecei a namorar meu colega de classe Samuel. Quando fiz 14 anos acabei ficando grávida, claro,foi difícil no começo pois eu ainda era muito nova e etc mas eu NUNCA pensei em fazer aborto,eu queria ficar com essa criança,mesmo se fosse mãe solteira. Por sorte,Samuel ficou feliz com a notícia é disse que iria assumir,tanto que até me pediu em casamento (nós nos amávamos muito e ele já falava em casamento antes do bebê,mas eu sempre dizia que éramos muito novos ainda).
Em junho de 2008 tivemos nossa filhinha,ela era a coisa mais linda que eu já vi,era perfeita ❤😍.
Minha mãe ficou muito brava quando contei que estava grávida mas quando Nicole nasceu (Minha filha) ela ficou uma vovó coruja.
Tínhamos uma vida ótima,com altos e baixos mas sempre fomos muito unidos e tínhamos boa convivência.
Tudo mudou no aniversário de 9 anos da nossa filha,fomos para a praia . Estávamos todos felizes e Nicole brincava perto da água,por um milésimo de segundo eu e meu marido nos distraimos e quando voltamos nossa filha estava se afogando no mar. Eu e Samuel corremos para ajudá-la,assim como as demais pessoas ali presente mas já era tarde. Não conseguimos salvar ela. Eu não consegui suportar,Nicole era minha vida,meu mundo,tudo pra mim e para meu marido.
Passaram se alguns meses e nós mal trocavamos uma palavra um com o outro e ele vivia saindo o tempo todo, fiquei desconfiada e certa vez resolvi seguir ele junto com minha irmã.
Levei um susto quando flagrei ele usando drogas,aquelas de injeção,sabem?.
Ele me pediu desculpa,me explicou que estava sem rumo quando perdemos nossa menina e começou a usar drogas e me prometeu nunca mais fazer isso..mas ele mentiu.
Não vou entrar em detalhes pra não ficar mais longo do que já está esse relato. Mas ele acabou falecendo com overdose.
Eu tinha tudo,um marido atencioso,uma filha linda e querida e perdi tudo...

Texto desabafado por Carol , em Segunda, 25 de Dezembro de 2017
ÁUDIO: OUVIR O TEXTO - clique em OUVIR O TEXTO e aguarde um pouco - Pausar - Retomar - Parar
Quanto maior o texto, mais tempo demora a começar a leitura. Por favor aguarde.
  • Você já leu todo o texto? Por favor vote este desabafo, clicando nas estrelas. Carol agradece.
Atualmente é quase humanamente impossível ler todas as novas confissões que são publicadas diariamente. Se você considera que esta confissão é ilegal, não está de acordo com as regras (*) do Eu Confesso [* regras listadas na página de publicação de confissões] ou ultrapassa todos os limites do razoável, por favor relate, utilizando o link REPORTAR ABUSO. Obrigado pela sua colaboração.

Comentários ao Desabafo de Carol

Por favor seja construtivo nos seus comentários.

0
0
0
0


r