No Eu Confesso para Adultos você desabafa em TOTAL ANONIMATO Atenção: Esta secção destina-se apenas a MAIORES DE 18 ANOS.

Convidamos uma visita ao - Perguntas e Respostas
Agora você já pode fazer o login com a sua conta DISQUS:


Explique qual era a situação política e econômica da França durante o governo de Luís XVIII

» Clique aqui para continuar a ler ou para responder
O que é o ransomware chinajm????

» Clique aqui para continuar a ler ou para responder

Fiz sexo com meu genro para ajudar filha Feminino

Confissão ID: 247806 - Por favor LEIA PRIMEIRO o texto antes de votar. Obrigado.


quero anunciar neste espaço

Sou uma mulher de 58 anos, viuvá pois meu marido faleceu em um acidente em 2013. Venho compartilhar com vocês uma experiencia que mudou minha vida.
começou a três anos atras, percebi que meu genro estava triste. Ele brincava, disfarçava mas notei que algo o chateava. Perguntei o que estava acontecendo.
já tínhamos uma amizade boa pois ele me ajudou muito quando fiquei viuvá e tínhamos um pouco de intimidade.
Ele contou-me que estava frustado pois minha filha não o correspondia na cama que ele esperava semanas ou meses para ela o procurar, um jovem de 29 anos com todo vigor sentia muita falta do sexo.
Comentou que estava pensando em arrumar uma mulher só para o satisfazer sexualmente, fiquei preocupado e angustiada com isso ele poderia se apaixonar por outra e deixar minha filha.
comentei o caso com uma velha amiga de confiança que tem a cabeça aberta igual a minha, ela me perguntou porque eu não poderia me torna mulher dele.
Me assustei, ela me explicou que criaríamos uma amizade e como seria eu a amante não teria perigo de pedir para deixar minha filha.
mas como? sou uma mulher meia idade perdi minhas curvas e não sou tão atraente como antes. Homens carentes n dão tanta importância para isso que deveria me aproxima mais dele, ser mais provocante e tocar em assuntos picantes.
"Aproveita que faz anos que você não faz sexo e usa isso como atrativo assim você e sua filha saem ganhando".
Meio relutante resolvi seguir o conselho da minha amiga, se ele n corresponder tudo bem.
comecei a elogiá-lo fala que estava bonito e ele foi correspondendo, dai fui ganhando confiança e sendo mais ousada.
"e ai, quantas deu nessa semana? tá furando muito?" ele ficava desorientado respondia meio sem jeito mas foi correspondendo, rapidamente pouco tempo depois já estávamos trocando videos porno.
como minha filha tinha problemas de saúde que atrapalhava a vida sexual ele precisava de alguém para compartilhar essas coisas.
Próxima etapa era ter o contato físico vê se ele estava disposto pegar uma mulher mais velha.
comecei acariciando, nada muito ousado para n assustá-lo, botava a mão na coxa dele enquanto estávamos conversando, passava me encostando nele, deixava a porta do banheiro ou quarto um pouco aberta para tenta provoca a curiosidade dele.
percebi que ele estava curtindo, começou a me tocar de forma inofensiva como por a mão no ombro, joelho as vezes ele tocava na minha bunda de forma rápida quando eu passava para me pedir água ou algo para comer ou me contar algo.
pedia minha filha falar com ele para vim me ajudar com algo, dai ficar mais tempo juntos pois moro sozinha.
vinha, passava uma manha as vezes almoçávamos e dorminha na minha cama a tarde.
começou olhar os seios, bunda de forma rápida, minhas calcinhas que deixava no banheiro estavam mexidas.
Passei a ficar mais excitada imaginando o que um jovem lindo, carinhoso e olhar safado queria fazer comigo.
não conseguindo mais esperar tive uma ideia,fiz um bolo liguei pra ele vim buscar para levar para minha filha, botei o short mais curto que tinha sem calcinha,
quando chegou mostrei o bolo e embrulhei para ele levar, antes de sair disse que estava com dores nas pernas por ter ficado muito tempo em pé fazendo o bolo.
"Poderia me fazer uma massagem nas pernas" ele de forma entusiasmada "Claro", "vem aqui no quarto tenho um creme para massagem no guarda roupas" ele me segui até o quarto.
deitei-me na beirada da cama dei o creme a ele que estava em pé ao lado da cama "pode passar", de forma tímida foi massageando a minhas pernas eu pedi logo "sobe mais" foi para meus joelhos,
"sobe mais" começou a massagear minhas coxas eu já estava toda molhada quando pedi gemendo... "sobe mais" ele entendeu oque eu queria.
sem esperar ele passou a perna por cima da minha pondo-a entre as minhas pernas, inclinou-se a fastou meu short para o lado e encheu a boca na minha buceta.
fiquei louca, aquele jovem cheio de saúde mamando minha xota com toda força e vontade. Com uma mão segurei a cabeça dele e a outra tampei a boca porque estava quase gritando.
meu cu piscava e ele não parava de me chupar, quando percebeu que eu gozaria (pois estava muito sensivel por anos sem sexo) parou abaixou a bermuda e tirou aquele pau duro para fora.
ainda segurando meu short ele enfiou em mim bem devagar, parecia que ele estava tirando minha virgindade que tesão, aquele pau duro abrindo minha buceta enquanto eu me segurava no lençol.
Após enfiar tudo encostando sua pelves na minha, começou a tira a por de forma lenta para que minha vagina se acostuma-se com o cacete dele, foi me soltando e a timidez foi dando lugar a safadeza
pus minhas mãos na bunda dele e puxava para ir mais fundo.
começou a acelerar e por mais forte; anos de desejos guardados entrando e saindo de mim
e eu me satisfazendo a cada estocada daquela rola. Sem aguentar mais gozei naquele pauzão que vendo minha cara de prazer gozou e encheu-me toda.

passado aquele pico de desejo, mil pensamentos passaram pela minha cabeça.. culpa,vergonha, medo.
Ele deitou ao meu lado, pois o braço por baixo da minha cabeça fez cafuné e alisou meu corpo.
Nunca imaginei que um jovem daquele seria tão amoroso e carinho, me fez sentir-me uma jovem mulher desejada.
após nos recompormos conversamos e entramos em acordo em termos uma amizade colorida respeitando minha filha.
Entrando nesse novo momento ele deixou de cobrar minha filha se tornou ainda mais carinhoso com ela, tirou a ideia de arrumar outra mulher.
Ele contou nosso caso a minha filha e ela entendeu.
Já estamos quatro anos assim e é ótimo, saímos, viajamos juntos os três mas a vida intima deles é com eles e a dele comigo fica entre ele e eu.
estamos muito felizes ela ganhou seu príncipe amigo e eu ganhei um namorado safadinho.

Obrigado por ter lido o desabafo de Amanda.
Duas sugestões: Primeiro comente este desabafo em baixo e depois TOQUE AQUI e venha conhecer novas pessoas no chat amigosK.com
Visto recentemente no Chat:

Texto desabafado por Amanda , em Quinta, 09 de Julho de 2020
  • Você já leu todo o texto? Por favor vote este desabafo, clicando nas estrelas. Amanda agradece.
[ Tags ] leia mais sobre: genro     sogra    
Atualmente é quase humanamente impossível ler todas as novas confissões que são publicadas diariamente. Se você considera que esta confissão é ilegal, não está de acordo com as regras (*) do Eu Confesso [* regras listadas na página de publicação de confissões] ou ultrapassa todos os limites do razoável, por favor relate, utilizando o link REPORTAR ABUSO. Obrigado pela sua colaboração.

Comentários ao Desabafo de Amanda

Por favor seja construtivo nos seus comentários.



Você já conhece a nova plataforma de Perguntas e Respostas?
Venha colaborar também no Eu Pergunto:

0
0
0
0