No Eu Confesso você desabafa em TOTAL ANONIMATO O que espera? Desabafe! Clique no botão à direita.

Não sei mais o que fazer... Masculino

Confissão ID: 97814 - Por favor LEIA PRIMEIRO o texto antes de votar. Obrigado.

Partilhar: Facebook Twitter Linkedin

Eu confesso que estou cansado e perdido. Eu já cansei desse ciclo vicioso que estou vivendo. Sabe quando você gosta tanto de alguém, mas essa pessoa só te vê como amigo? E que por mais que isso te faça sofrer, a amizade faz mais falta? Tenho vivido um dilema que cada vez mais me desgasta.

Eu tenho um grande amigo que conheci faz uns anos. A nossa afinidade surgiu de uma forma que jamais havia acontecido comigo. Sempre fui uma pessoa solitária, difícil de se interagir. O assunto não dura e o contato parece forçado pela falta de afinidade, por mais legal que eu tente ser.

Com ele as coisas fluíram diferente e conseguíamos conversar por horas, todos os dias. Eu custava a acreditar que havia conseguido construir tal amizade. Mas, aconteceu. De forma tão inesperada quanto o modo na qual nos conhecemos.

O tempo foi passando e a cada momento me sentia mais dependente daquela relação. Chegava a um ponto em que eu pensava nisso o dia todo. Buscava ficar o maior tempo online (nos falamos pela internet) possível, mesmo durante a semana. Além de que eu tentava ser útil a ele, de todas as formas. Qualquer problema ou vontade que ele tinha, eu me esforçava ao máximo para ajudá-lo. Nesse ponto, não era recíproco, mas ele reconhecia e sempre me agradecia. Só isso já era o suficiente pra mim.

Tudo foi seguindo assim, até que fui começando a refletir sobre o que estava havendo comigo. Afinal, é normal toda essa obsessão? Será que estou o vendo somente como um amigo? Pois eu me sentia tão apegado a ele que chegava a sentir ciúmes por coisas bobas.

Um outro detalhe importante: sim, ele é hétero e eu era um gay enrustido. Então, havia um lado meu que tinha medo de revelar. Mesmo assim, isso não interferia na nossa amizade.
E, depois que me assumi, nada mudou também.

A forma como ele me trata e o jeito que tem comigo foi me fazendo ficar confuso a respeito dos meus sentimentos por ele. Hora, o vejo como amigo, hora, me sinto quase que apaixonado (é como se eu tentasse bloquear isso).

Ele já me disse que sou o melhor amigo dele, ou que sou o único amigo de verdade. Já me falou que eu era a única pessoa que ele queria ter contato. Uma vez que sumi, ele disse que ficou muito triste, que sente a minha falta quando faço isso e que até ouviu certa música lembrando de mim.

Apesar disso, ainda tenho certeza de que ele é hétero. Mas ouvir essas coisas, por mais inocentes que sejam, acaba mexendo comigo. Sem mencionar que ele é um cara bonito, ao meu ver. Então, eu na minha condição de jovem adulto virgem e gay, acabo tendo dificuldades em lidar com isso.

Tem horas que eu penso em me afastar. Porque por mais que seja a maior amizade que já tive, ela também me faz sofrer demais. É difícil estar apaixonado por alguém que nunca vai te querer, mas que ao mesmo tempo tá alí te falando coisas bonitas e te querendo por perto. Ainda mais quando ele conhece alguma menina e se apaixona.

Ele conheceu umas 2 ou 3 garotas ao longo do tempo em que nos conhecemos e o comportamento dele mudava radicalmente. Eu ficava p* da vida: ele parava de me procurar, ou se eu puxava assunto, ele não \"dava muita corda\". Já aconteceu de ficarmos mais de uma semana sem conversarmos.

Sei que pra muitos isso seria extremamente normal, no entanto, como já mencionei, com a gente não funciona assim. Então, quando eu chegava pra perguntar o que estava havendo, que ele estava estranho e mal falava comigo, ele respondia que não era nada, dava desculpas sem noção e ficava todo sem graça.

Apesar de eu ter ficado bastante chateado, tentei relevar. Ainda mais porque todos esses lances dele não duraram muito e era eu quem o consolava e aturava ouvir dessas garotas, incessantemente.

Certa vez, depois de ter me assumido pra ele, comentei propositalmente sobre um cara que havia me adicionado e que eu estava achando o menino bacana. Ele me veio com várias perguntas e até insinuou coisas para saber se ele seria só um amigo pra mim ou algo mais. Eu aproveitei para testá-lo e fiquei mais quieto por um tempo. Ele pareceu incomodado e tentava falar coisas bonitas pra mim. Mesmo sendo ciúmes, talvez não queira dizer algo relevante.

Só que eu acabo cedendo e voltando ao contato normal. As vezes, não aguento nem mesmo um dia sequer sem falar com ele. Eu me sinto tão dependente... Antes dele, eu não era assim. Sabia conviver com a solidão. Já, hoje, não me imagino longe.

Já tentei inúmeras vezes conhecer outros caras, mas a coisa não desenvolve. Nem mesmo pra uma amizade parecida com a nossa. Assim como também já tentei de todas as formas (discretamente, claro), descobrir se existiria alguma possibilidade de ele curtir caras. Mas ele só demonstrou ser mais hétero que nunca.

Ultimamente, tenho tentado ajudar ele a se envolver com uma conhecida minha. Menina que, inclusive, parece gostar de mim. Apesar de me mostrar empolgado com isso na frente dele, por dentro estou sofrendo profundamente. No dia em que dei o primeiro passo, caí em lágrimas por horas. Sequer dormi direito. Obviamente, ele nunca soube disso.

A minha ideia era que, depois que eles se conhecessem e dessem certo, eu iria me afastar. Mas não como já fiz: queria não entrar mais em contato com ele e ser frio quando o mesmo falasse comigo. Caso ele perguntasse o motivo da mudança, me faria de desentendido.

Sei que será extremamente difícil pra mim (e, quem sabe, pra ele), mas só vejo isso como saída. Talvez eu nunca mais conheça alguém como ele e viva infeliz pelo resto da vida. Mas, pelo menos, vou encerrar esse transtorno e ainda deixá-lo feliz com uma garota bacana...

Então, é isso... Creio já ter me estendido demais. Quem sabe alguém lê e tenta me ajudar de alguma forma, com algum conselho sábio. Ou apenas comente. Qualquer coisa já é bem vinda. Obrigado.


Obrigado por ter lido o desabafo de Sofredor.
Duas sugestões: Primeiro comente este desabafo em baixo e depois TOQUE AQUI e venha conhecer novas pessoas no chat amigosK.com
Visto recentemente no Chat:

Texto desabafado por Sofredor , em Sábado, 02 de Agosto de 2014
  • Você já leu todo o texto? Por favor vote este desabafo, clicando nas estrelas. Sofredor agradece.
[ Tags ] leia mais sobre: amigo     hetero     Gay     apaixonar     Confuso    
Atualmente é quase humanamente impossível ler todas as novas confissões que são publicadas diariamente. Se você considera que esta confissão é ilegal, não está de acordo com as regras (*) do Eu Confesso [* regras listadas na página de publicação de confissões] ou ultrapassa todos os limites do razoável, por favor relate, utilizando o link REPORTAR ABUSO. Obrigado pela sua colaboração.

Comentários ao Desabafo de Sofredor

Por favor seja construtivo nos seus comentários.

0
0
0
0